domingo, 21 de setembro de 2014

Ebola: 40 mortos na RDC (Congo) e 92 em Serra Leoa

Noventa e dois corpos e cerca de 56 novos casos de infeção do vírus Ebola foram descobertos em Serra Leoa durante os 3 dias de recolher obrigatório em todo o país. 


A medida entrou em vigor na sexta-feira e seis milhões de habitantes foram obrigadas a ficar dentro das suas casas. Durante esse período, um grupo de voluntários tentou aconselhar a população sobre o vírus.


Os novos casos foram descobertos por funcionários de saúde que tentavam perceber a extensão da pandemia no país.


Congo

O vírus Ebola matou 40 pessoas numa zona remota do noroeste da República Democrática do Congo onde a doença está sendo "controlada", disseram na noite de sábado as autoridades congolesas. 


Lambert Mende, ministro porta-voz do Governo, informou que nos últimos 10 dias não foi confirmado qualquer caso, considerando que o surto está a caminho de ser controlado.

sapo,lusa, abola.pt
Leia Mais ►

Alerta : Vibrião da cólera foi isolado nas águas do rio Paraíba em Quebrangulo-AL


Alerta :"Isolado V. cholerae O1”, não toxigênico em amostra d’água do Rio Paraíba no município de Quebrangulo – AL







NOTA TÉCNICA CIEVS/SUVISA/SES/AL N.º 05/2014


DATA: 17/09/2014


ASSUNTO: Isolamento de V.cholerae O1 não patogênico no município de Quebrangulo.






De acordo com o comunicado do Laboratório de Referencia Estadual (Lacem), fora "isolado V. cholerae O1”, não toxigênico no município de Quebrangulo, amostra d’água proveniente no Ponto do Rio Paraíba – Centro, do Município de Quebrangulo – AL, estando em alerta através de monitoramento. De acordo com protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde, as amostra isoladas são enviadas ao Laboratório de Referência Nacional (Laboratório de Enterobactérias do Instituto Oswaldo Cruz – Fiocruz )para confirmação e caracterização antigênica.


O Rio Paraíba nasce no município de Bom Conselho, Pernambuco e sua bacia hidrográfica abrange uma área de 3.330 km² em oito município pernambucanos e doze alagoanos entre eles; Quebrangulo, Palmeira dos Índios, Paulo Jacinto, Pindoba, Viçosa, Cajueiro, Capela, Atalaia, desaguando na Lagoa Manguaba no município de Pilar.

Leia Mais ►

sábado, 20 de setembro de 2014

Serra Leoa sitiada em ofensiva contra o vírus Ebola



Serra Leoa está fechada. O motivo é o vírus Ebola. 


Por ordem das autoridades, todos os cidadãos devem permanecer em casa até ao final de domingo. Em três dias cerca de 30 mil voluntários têm como objetivo visitar todas as casas dos 6 milhões de habitantes para detectar casos da doença e informar as pessoas.

O momento é de urgência. É necessária uma mobilização rápida, diz o secretário-geral das Nações Unidas.

“A cada dia que passa, mais pessoas morrem, muitas mais ficam infectadas e as necessidades de resposta tornam-se exponencialmente maiores. Para a crise ficar sob controle, todos nós temos que trabalhar de uma forma inortodoxa, quebrar barreiras e dar o melhor de cada um. Velocidade é a essência”, declarou Ban Ki-Moon.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, das 5357 pessoas infetadas este ano, morreram 2630, especialmente na Serra Leoa, Guiné e Libéria.

Euronews
Leia Mais ►